fbpx

IBAMA altera prazo para envio do RAPP até 30 de Abril

minuto

Prazo foi prorrogado de 31 de março para 30 de abril de 2018

Conforme anunciado pelo Ibama na última terça-feira, 27 de março, o prazo para entrega do Relatório Anual de Atividades Potencialmente Poluidoras (RAPP) foi prorrogado de 31 de março para 30 de abril de 2018. A instrução normativa para regulamentar a prorrogação ainda será publicada, conforme citou o órgão em nota publicada em seu site.

É importante lembrar que o departamento jurídico de Meio Ambiente do Sindicato realiza, anualmente, o serviço de preenchimento do CTF e do RAPP aos revendedores interessados, por entender que o processo é complexo e trabalhoso. O investimento, mantido no mesmo valor desde 2015, é de R$ 120,00 (por CNPJ) para os associados ao Minaspetro. Os empresários que não são sócios também podem solicitar o auxílio, nesse caso o investimento é de R$300,00 (por CNPJ).

Em 2018, o Ibama também está solicitando a inscrição dos geradores de resíduos no Cadastro Técnico Federal (CTF) de Atividades e Instrumentos de Defesa Ambiental, ou seja, os postos devem, além de possuir o CTF/APP (Atividades Potencialmente Poluidoras), também se regularizar no CTF/AIDA.

O CTF/AIDA é um cadastro independente do CTF/APP (IN 10/2013, art. 12, I). Esse cadastro está atualmente regulamentado pela Instrução Normativa IBAMA n. 10/2013, com base legal na Lei 12.305/2010 que, em seu art.20, II, “a”, determina que os comerciantes que geram resíduos perigosos tenham Plano de Gerenciamento de Resíduos Perigosos.

A orientação do Sindicato é que os empresários não deixem para a última hora, pois o sistema do Ibama pode ficar congestionado nos últimos dias e impedir que a obrigação seja cumprida.

 

Fonte: Ibama

Fique por dentro das últimas novidades sobre gestão empresarial! 

Assine a newsletter do blog Adaptive e receba conteúdos novos toda semana diretamente no seu e-mail!

Leia Também

[post_category]

Temos soluções para diferentes necessidades.

Saiba como tornar o seu negócio mais competitivo no mercado.

Muito Obrigado!

Muito Obrigado!