Lucratividade e rentabilidade: conceitos que fazem toda a diferença em seu posto de combustível

Publicado em:

Lucratividade e rentabilidade: conceitos que fazem toda a diferença em seu posto de combustível

A gestão de postos de combustíveis engloba diversos conceitos de administração de empresas, finanças, contabilidade, entre outras áreas. Dois conceitos da área de finanças que são extremamente importantes são lucratividade e rentabilidade. 

Será que você sabe o real significado desses dois conceitos? Lucratividade é diferente de lucro e rentabilidade é diferente de faturamento. É necessário entender a diferença entre esses dois conceitos, além do seu real significado e como eles se aplicam ao seu negócio.

Se você quer obter crescimento e trabalhar para alcançar o sucesso, veja no post de hoje os conceitos de lucratividade e rentabilidade e entenda de uma vez por todas como eles são utilizados na administração de empresas.

 

O que é lucratividade?

 

O conceito de lucratividade indica a taxa percentual que a empresa está lucrando com as operações, ou seja, com as vendas. Para considerar o lucro, é preciso saber quanto a empresa ganha (faturamento) e quanto a empresa gasta (custo) em cada operação.

A fórmula da lucratividade é:

Lucratividade = (lucro líquido/receita bruta) x 100

Vamos considerar como exemplo algo bem simples, para que você entenda o conceito de lucratividade. Imagine uma fábrica de espelhos. Cada espelho é vendido a R$80. Para fabricar este espelho, a empresa gasta R$25 com matéria-prima, além de R$15 reais com salários de funcionários e R$10 para manter as contas da fábrica em dia.

O lucro, portanto, é de R$30 por peça vendida. Vamos considerar que, em determinado mês, a fábrica vendeu 300 espelhos. O faturamento foi de R$24 mil (300 x R$80). O lucro líquido, então, foi de R$9 mil (subtraindo o faturamento do custo total de R$15 mil).

Então temos:

Lucro líquido: R$9 mil

Receita bruta: R$24 mil

 

Agora, podemos calcular a lucratividade:

Lucratividade = (9.000/24.000) x 100

Lucratividade = 0,375 x 100

Lucratividade = 37,5%

Lembre-se de que a lucratividade é sempre indicada em porcentagem. Esse conceito indica se as vendas estão sendo suficientes para pagar as despesas. Uma lucratividade igual a zero significa que a empresa não está tendo prejuízo, mas também não está ganhando nada. Quanto maior o índice de lucratividade, melhor.

É importante comparar sua lucratividade com a de outras marcas do mesmo segmento no mercado, para verificar se a sua lucratividade está compatível com a categoria. Um bom software de gestão para seu posto de combustível pode te ajudar a acompanhar a lucratividade com muita facilidade.

 

Como aumentar a lucratividade?

Se você perceber que sua lucratividade está muito baixa, ou em níveis muito abaixo se comparada aos concorrentes, algumas ações podem ser tomadas para elevar este índice:

  • Alterações no quadro de funcionários;
  • Modificação de regime tributário;
  • Renegociar contratos de serviços (internet, por exemplo);
  • Unificar os softwares em uma única solução, entre outros.

 

 

O que é rentabilidade?

 

Assim como a lucratividade, a rentabilidade também se baseia no lucro líquido e tem sua apuração em valor percentual. A diferença é que este indicador serve para entender qual o retorno que a empresa está tendo sobre um investimento.

O cálculo pode ser feito tanto para o investimento inicial, quanto para investimentos pontuais feitos pela empresa. A fórmula da rentabilidade é:

Rentabilidade = (lucro líquido/investimento) x 100

 

Vamos utilizar o mesmo exemplo acima para continuar o cálculo. Vimos que a fábrica de espelhos teve um lucro líquido de R$9 mil. Imaginemos que, para fazer a divulgação desse produto e da empresa, a fábrica tenha investido R$5 mil em publicidade e propaganda direcionada a revendedores.

Então, o cálculo da rentabilidade ficaria assim:

Rentabilidade = (9.000/5.000) x 100

Rentabilidade = 1,8 x 100

Rentabilidade = 180%

 

Isso significa que, a cada R$1 investido na divulgação, a empresa ganhou de volta R$1,80.

Por meio deste cálculo, podemos entender que, em apenas 1 mês, a fábrica já recuperou o investimento de R$5 mil em divulgação, e ainda gerou mais lucro. O mesmo cálculo pode ser feito com um período maior, como o ano inteiro, para calcular o retorno anual sobre o investimento inicial para abrir uma empresa, por exemplo.

Além disso, o cálculo de rentabilidade também pode indicar a projeção de sucesso em um planejamento estratégico, demonstrando quais as chances de um investimento dar certo e o retorno esperado.

 

Como aumentar a rentabilidade?

Uma rentabilidade muito baixa indica ineficiência do investimento. Se o retorno demorar muito tempo para chegar, a empresa corre o risco de enfrentar desafios financeiros muito maiores no futuro.

Rentabilidade baixa também prejudica o funcionamento da empresa como um todo. Não obstante, o gestor fica impossibilitado de realizar novos investimentos até que tenha obtido o retorno sobre o investimento mais recente.

Entre as formas de aumentar a rentabilidade, estão:

  • Fazer investimentos bem planejados;
  • Diminuir os valores investidos;
  • Trabalhar no aumento dos lucros líquidos.

 

 

Qual a importância dos conceitos de lucratividade e rentabilidade para meu posto de combustíveis?

 

Utilizando os conceitos de lucratividade e rentabilidade, a empresa se torna capaz não somente de prever o retorno que receberá sobre seus investimentos e avaliar os investimentos que já estão em andamento, como também entender a relação entre as vendas e o lucro.

É preciso avaliar se o negócio está compensando os custos e ainda gerando lucro para o empreendedor. Um posto de combustíveis deve ser capaz de gerar lucros e receber de volta o investimento em pouco tempo.

Esses são cálculos que podem contribuir para a tomada de decisão, bem como para encontrar melhorias e solucionar problemas.

 

Para te ajudar ainda mais, a Adaptive preparou um e-book sobre o assunto que vai te ajudar a tornar seu negócio mais rentável. E o melhor de tudo: é gratuito! Baixe agora mesmo seu e-book gratuito e entenda como aplicar a lucratividade e a rentabilidade em seu posto de combustíveis.

GOSTOU? Deixe seu e-mail e receba conteúdos como este!

O que achou? Deixe um comentário