fbpx

Saiba como garantir a proteção de dados da sua empresa

6 minutos
Saiba como garantir a proteção de dados da sua empresa

Nos dias atuais, toda informação referente a técnicas de gestão das empresas é dependente das redes de computadores. Isso exige que as empresas tomem medidas que garantam a proteção de sua base de dados. Sem esse cuidado, é possível que ela caia nas mãos de “piratas virtuais”, e tenha, assim, informações valiosas roubadas.

Uma empresa grande que deixou seus dados mais importantes serem roubados poderá, por exemplo, perder seu lugar de destaque. Uma vez que o segredo de seu sucesso foi revelado, empresas concorrentes podem ser beneficiadas por conta do vazamento dessas informações importantes.

Esse cenário de ataques e vulnerabilidades exige uso de um sistema eficiente de proteção de dados. Dessa forma, o que então deve ser feito para garantir que dados valiosos de sua empresa estejam protegidos?

Confira neste post como garantir a proteção de dados da sua empresa.

 

Como armazenar de forma segura os dados da minha empresa?

Qual a melhor maneira de proteger um objeto de valor? Uma boa ideia seria guardá-lo em um cofre seguro que só pudesse ser aberto com a chave correta, certo? Os dados de uma empresa devem ser cuidados de forma semelhante, só que de uma forma virtual. Na linguagem informática, a criptografia é que fará o papel do cofre.

Criptografia nada mais é do que um conjunto de técnicas que codifica informações de modo que apenas aqueles que têm a chave correta conseguem decifrar seu conteúdo.

Descriptografar um arquivo sem essa chave exige uma grande quantidade de tempo, recursos, poder computacional e conhecimento. Por isso essa tecnologia é considerada a principal aliada de um gestor que quer garantir a segurança de dados e informações de uma empresa.

 

Como um sistema ERP pode ajudar nesse processo?

Os sistemas ERP são projetados para coletar, organizar e registrar, de forma criptografada, diversas informações a respeito dos processos e etapas produtivas de uma empresa. Por meio deles, o gestor tem acesso a uma importante base de dados, que pode ser usada para definir indicadores e pautar suas decisões.

Ao implementar o software de gestão, o gestor não apenas conta com um importante aliado para acompanhar o dia a dia de seu negócio, mas ainda recebe uma ferramenta eficaz para a proteção de dados de sua empresa.

A solução em ERP da Razem, por exemplo, é capaz de proteger informações nas duas pontas em que ela pode ser acessada. Esse sistema evita, por meio da criptografia, que pessoas alheias à companhia tenham acesso a dados importantes, além de limitar o acesso dos próprios colaboradores da empresa à informação e garantir que apenas o pessoal autorizado consiga visualizar as áreas mais sensíveis, e inserir dados e comandos.

É válido ressaltar que cabe às desenvolvedoras de softwares fornecer apenas o sistema e as soluções criptografadas. O armazenamento e a manutenção do servidor é de responsabilidade da empresa contratante.

Uma solução econômica e eficiente é contar com os serviços de empresas que oferecem armazenamento em nuvem. Pois além de ser necessário pagar somente pelo armazenamento utilizado, essas empresas também são especializadas em segurança de dados e backup .

 

Existem outras medidas que posso tomar para garantir a segurança de meus dados?

Além de implementar os processos de segurança já indicados e fazer uso de um sistema ERP, outras medidas podem ser adotadas para aumentar a proteção de dados. Abaixo listamos algumas delas:

 

Atualize seus softwares

As empresas que desenvolvem softwares estão atentas às atividades de crackers e criam continuamente soluções para evitar seus ataques. Por isso é importante garantir que os sistemas em seu computador estejam em sua versão mais atual.

Sem esse cuidado, o dispositivo fica sujeito a vulnerabilidades e bugs, o que reduz drasticamente a segurança de informações registradas nele.

Outro ponto importante é que, ao atualizar um software, é possível ter acesso a novas funções desenvolvidas por seus criadores, o que aumenta a sua utilidade.

 

Elabore senhas fortes

Usar como senha uma data de aniversário ou o nome de uma pessoa próxima é uma péssima ideia. Crackers ou qualquer outra pessoa mal-intencionada podem acessar facilmente informações como essas e ter acesso a seus arquivos.

Uma senha forte e segura deve ter algo em torno de 8 caracteres. Deve também conter números, letras maiúsculas e minúsculas, além de caracteres especiais. Também se faz necessário trocá-la com frequência, para garantir a segurança de seus arquivos.

 

Implemente redes virtuais privadas

É fato que redes públicas, como a internet, não são seguras o suficiente. Se quiser continuar gerenciando as informações de uma empresa e sua comunicação interna, mas de forma segura, o ideal é começar a usar os VPNs, que é a sigla em inglês de Virtual Private Network, que em português pode ser traduzido para redes virtuais privadas.

Na prática o VPN é uma rede que interliga computadores e servidores de uma empresa. Por exigir login e senha para fornecer o acesso, e realizar uma verificação dos dispositivos conectados, ele é uma maneira eficiente de garantir a integridade das informações em circulação.

Por fim, é válido ressaltar que acessar redes gratuitas de wi-fi, como as fornecidas por hotéis, lanchonetes e aeroportos é uma ideia ruim, pois a segurança dessas redes é fraca, o que sujeita os dispositivos conectados a uma invasão.

 

Invista em pacotes de segurança

Se levarmos em consideração os prejuízos e os custos que um ciberataque pode causar, fica claro que medidas de segurança são um investimento e não uma despesa.

Entre essas medidas podemos citar a contratação de sistemas eficientes de antivírus, firewall e anti-spam. Esses serviços reduzem as chances de contaminação por softwares maliciosos.

 

Invista em treinamento

Pouco adianta para a empresa contar com os mais modernos sistemas de criptografia e segurança se seus colaboradores não sabem como fazer uso de seus benefícios. Portanto, o investimento em capacitação também é fundamental.

Antes de garantir que os funcionários saibam utilizar plenamente essas ferramentas acima citadas, esse treinamento deve servir também para orientá-los a respeito de práticas básicas de segurança no mundo digital, como, por exemplo, não acessar sites desconhecidos e evitar abrir e-mails de remetentes suspeitos.

Para uma empresa que deseja crescer e se estabelecer no mercado, investir em métodos que garantam a segurança de suas informações é uma medida essencial para ela não perder seus segredos estratégicos para companhias rivais e ainda ter de lidar com prejuízos causados por ataques virtuais.

Dessa forma, adotar as práticas citadas neste artigo pode ser a solução para a segurança das informações e, até mesmo, para a proteção do caixa da sua empresa.

 

Agora que você já sabe o tamanho da importância de garantir a proteção de dados e entende como a criptografia e Sistemas ERP podem ajudar nessa tarefa, que tal ter acesso a um software avançando, planejado para atender todos os requisitos de segurança e funcionalidades. Entre em contato conosco e conheça a solução em ERP da Razem!

Fique por dentro das últimas novidades sobre gestão empresarial! 

Assine a newsletter do blog Adaptive e receba conteúdos novos toda semana diretamente no seu e-mail!

Leia Também

Temos soluções para diferentes necessidades.

Saiba como tornar o seu negócio mais competitivo no mercado.

Muito Obrigado!

Muito Obrigado!