fbpx

6 tendências do varejo alimentar para aplicar no seu negócio

6 minutos
6-tendencias-do-varejo-alimentar-para-aplicar-no-seu-negocio

O ano de 2020 trouxe diversas mudanças nos hábitos de consumo. Muitas delas já estavam em curso, mas foram aceleradas e foi preciso se adaptar. Para te auxiliar nesse momento de tantas transformações, separamos aqui as 6 principais tendências para o varejo alimentar. 

Segundo a Pesquisa Mensal de Comércio (PMC), realizada pelo IBGE, as vendas do comércio varejista cresceram 0,9% em outubro, sexta taxa positiva consecutiva desde maio. Com isso, o patamar do varejo bateu recorde pela terceira vez seguida, ficando 0,9% acima de setembro e 8% superior a fevereiro. Em relação a outubro de 2019, o comércio cresceu 8,3%, alcançando a quinta taxa positiva consecutiva e a maior para um mês de outubro desde 2012 (9,2%).

Mudanças podem trazer diferentes desafios, mas o setor de varejo vem apontando números animadores. Afinal, mesmo em casa, os consumidores continuaram a comprar, mas de uma forma um pouco diferente.  

Com tantas mudanças em curso, a criatividade e o conhecimento do novo comportamento do seu público-alvo são essenciais, principalmente para o varejo alimentar. Além disso, conhecer as principais tendências do setor podem fazer a diferença no seu negócio. 

O lado bom é que muitas empresas podem aproveitar o momento para, finalmente, colocar em prática mudanças importantes e necessárias para a empresa.

Confira 6 tendências para o varejo alimentar para se inspirar

Automatização

A automatização de processos é uma tendência crescente e ainda mais forte para o varejo alimentar em 2021. 

A organização das rotinas operacionais e dos processos diários trazem agilidade e diminuição de custos consideráveis. 

Por exemplo, um software de gestão pode automatizar e facilitar toda a administração do negócio, fazer a conciliação de cartões, agilizar a comunicação com vendedores e fornecedores, notas fiscais, organização de entrada e saída do estoque, entre outros. 

Os benefícios da automatização podem facilitar ainda mais as tomadas de decisão em um momento de mudanças nos negócios, que exige muito mais tecnologia e inovação diante da concorrência. 

E-commerce

Nos últimos meses, as pessoas passaram a consumir mais alimentos em domicílio.

Assim, uma forte tendência para 2021 no varejo alimentar é a associar o comércio online com o ponto de venda. Se este ainda não é o seu caso, está na hora de colocar em prática. 

Atuar em diferentes canais traz a possibilidade de uma experiência mais completa de compra, que ultrapassa os limites da loja física, fidelizando ainda mais os seus clientes.

Além disso, oferecer diferentes canais de compra traz diversas oportunidades. Vender online para o cliente buscar na loja, utilizar aplicativos de entrega e estar presente em redes sociais, como o WhatsApp, são formas de estar mais próximo ainda do consumidor. 

Refeições para viagem ou Takeout

Outra forte tendência é o consumo de alimentos prontos em domicílio. Do café da manhã à sobremesa. 

Se o seu negócio estava preparado apenas para consumo no local, vale considerar a preparação de refeições completas para viagem, em que os consumidores só vão até o local para retirar os produtos.

Sabemos que esta não é uma grande novidade. Há tempos é possível pedir refeições para levar e consumir em casa. Mas, agora, consumidores mais exigentes preferem alimentos melhor selecionados, como carnes mais nobres. 

Mesmo as refeições mais comuns, como arroz e feijão, podem ser oferecidas de uma forma mais bem elaborada. Vale até mesmo investir em embalagens mais atrativas e sustentáveis. 

Alimentação saudável 

Uma forte tendência para o varejo alimentar é o consumo de produtos mais saudáveis, voltados para a manutenção da saúde e do bem-estar. 

Além disso, as pessoas estão planejando muito melhor o que compram e, principalmente, o que comem. 

Assim, as escolhas do que comer, mesmo em domicílio, estão mais conscientes e, os consumidores, mais exigentes. 

Alimentos orgânicos e ecologicamente sustentáveis, veganos ou vegetarianos, lanches rápidos, porém saudáveis, sem glúten e fitness estão na mira de muitos consumidores.

Ainda assim, muitos buscam pela praticidade. As refeições prontas e ao mesmo tempo saudáveis também estão em alta.

Kits de refeições caseiras

Com a preferência por opções de alimentação caseira, sem produtos processados, muitas vezes é preciso colocar a mão na massa, literalmente. Além disso, cozinhar é um hobbie de muita gente. 

Mesmo assim, com a crescente demanda por praticidade, receber todos os ingredientes específicos para uma determinada receita é uma opção mais do que interessante e tendência para o varejo alimentar nos próximos anos. 

O consumidor pode receber todos os ingredientes em casa, tudo devidamente separado e porcionado conforme a receita. 

Este modelo pode dar certo como uma assinatura mensal, por exemplo. O consumidor pode pagar uma mensalidade e receber, a cada mês, itens para uma receita diferente.

Lojas especializadas

Estabelecimentos que focam em um só produto, como queijos, vinhos, cervejas ou legumes orgânicos são uma forte tendência para o varejo alimentar. 

Explorar nichos e alinhar o serviço com o público-alvo correto é uma maneira de vender produtos super especializados e conquistar clientes. 

Assim como os produtos, a experiência de compra também deve ser especializada. Por exemplo, os vendedores podem ser treinados para dar dicas de harmonização de vinhos ou cervejas. 

No caso do comércio online, o seu site pode não só vender os produtos, como também ser uma fonte de informações especializadas sobre os itens vendidos. Se você vende queijos, fale tudo sobre o assunto. 

É normal que as formas mais convencionais de atuar no varejo alimentar pareçam mais seguras e eficientes. Mesmo assim, o mercado está em constante mudança e é importante estar atualizado. 

O ano de 2020 acelerou tendências que já estavam influenciando o setor, e mostrou uma lição clara de que é preciso se adaptar, dentro do possível, à nova realidade. 

Por isso, esperamos que essas 6 tendências do varejo alimentar sirvam de inspiração para a sua empresa, contribuindo para o seu negócio se tornar ainda mais lucrativo. 

Quer aprender mais sobre gestão no varejo alimentar? Nos acompanhe no FacebookInstagramLinkedinTwitter ou Youtube para mais informações!

Fique por dentro das últimas novidades sobre gestão empresarial! 

Assine a newsletter do blog Adaptive e receba conteúdos novos toda semana diretamente no seu e-mail!

Leia Também

Temos soluções para diferentes necessidades.

Saiba como tornar o seu negócio mais competitivo no mercado.

Muito Obrigado!

Muito Obrigado!