fbpx

Sistema PostgreSQL: o que é e como ele pode tornar os processos das empresas mais eficientes

6 minutos

Muito se fala em transformação digital nas empresas, que pode ser posta em prática desde a adoção de metodologias ágeis a novos gerenciadores de bancos de dados, como o sistema PostgreSQL.

E por falar em banco de dados, cuidar deles é muito importante nos dias de hoje, visto que as empresas cada vez mais mantêm suas informações e as dos clientes em sistemas de armazenamento em nuvem, o que exige muito cuidado na hora de cuidar a manter esses dados.

Neste artigo, vamos falar o que é o PostgreSQL e por que ele é importante para seu negócio. 

O que é o PostgreSQL

Desenvolvido em 1982, nos EUA, o PostgreSQL é um sistema de armazenamento e gerenciamento de banco de dados de forma segura e com alta performance. Ele também é conhecido apenas como Postgre.

Tecnicamente falando, ele é um Sistema de Gerenciamento de Banco de Dados de Objeto Relacional (SGBDOR), inclusive é um dos mais utilizados no mercado, principalmente pelo fato de ter código aberto, ser gratuito e integrar-se facilmente com outras ferramentas e sistemas das empresas. 

Companhias como Apple, Skype e Caixa Econômica Federal o utilizam em seus sistemas internos. Até órgãos públicos o utilizam, como é o caso do Governo do Estado do Ceará.

Esse sistema consegue lidar com um alto volume de informações como sites para e-commerce ou sistemas de gestão integrados. Portanto, empresas que têm uma grande demanda de informações precisam considerar contratar um software que seja construído com base nesse sistema. 

Ele, ainda, trabalha com conceitos de atomicidade, integridade, consistência, multiusuário e controle de concorrência. Dessa forma, os softwares que trabalham com ele podem recuperar informações perdidas mais rapidamente e com maior segurança.

Para que serve e como o PostgreSQL funciona

O PostgreSQL tem a função de gerenciar o banco de dados da empresa, gravando todas essas informações para que fiquem permanentemente instaladas e acessíveis.

Dessa forma, os usuários conseguem realizar consultas de forma prática e simples, sem precisar “invadir” o sistema de banco de dados, o que, na prática, daria muito mais trabalho.

Nesse sentido, a consulta fica a cargo do servidor, que vai direto ao conteúdo e retira as informações para quem está solicitando a informação. Ou seja, além de armazenar as informações, o PostgreSQL também funciona como uma plataforma de consulta.

Na prática, o Postgre constrói o padrão de arquitetura MVC (Modelo-Visão-Controle) nos sistemas da empresa, tornando possível o processamento, gerenciamento e armazenamento das informações. 

Entre as funcionalidades trabalhadas por ele, podemos citar com termos mais técnicos, a integridade de dados referencial via chaves estrangeiros, a determinação dos tipos de dados definidos pelo usuário, a recuperação de informações point-in-time, a replicação de dados de forma assíncrona, controle de acesso aos dados e o alinhamento de transações. 

Por que o Sistema PostgreSQL é importante para empresas

Como já falamos, o Postgre é um sistema que permite que as empresas possam armazenar e gerenciar de forma completa os dados relevantes que fazem parte do negócio, principalmente as informações financeiras.

Para além disso, há alguns benefícios interessantes que as empresas podem ter com um sistema fundamentado nele:

 Extensibilidade

Permite que o programador defina com quais linguagens, operadores, tipagens, métodos de acessos e estruturas de dados irá trabalhar. Assim, o profissional pode desenvolver e manter os softwares na própria estrutura da empresa, o que traz mais segurança e comodidade no dia a dia. 

No final da linha, essas extensões garantem que o usuário possa ter mais recursos e possibilidades de uso.

Usabilidade 

Para os profissionais do setor que atuam construindo sistemas de dados com base no PostgreSQL, a usabilidade é uma característica que se destaca. Isso porque o sistema é fácil de se instalar e possui interfaces fluidas e simples.

Essas particularidades acabam influenciando no software em si, utilizado pela empresa no dia a dia, pois torna o ambiente mais simples e de navegação mais fácil e ágil. 

 Escalabilidade

Qual gestor não quer que os sistemas da empresa sejam integrados e se comuniquem uns com os outros? Com o Postgre isso é possível, pois são fáceis de serem configurados e replicados em outros ambientes. 

Dessa forma, é possível criar novos ambientes aproveitando os mesmos códigos-fonte, o que significa maior capacidade produtiva do programador e otimização do trabalho do funcionário que utilizará esses novos sistemas na sua rotina.  

Open source

Diz-se que uma ferramenta é ‘open source’ quando ela possui código aberto. Assim sendo, os usuários podem, quando necessário, sugerir melhorias e adequações no sistema para se adaptar a uma nova realidade e otimizar os processos. 

Ou seja, o Postgre permite que o software possa estar sempre em evolução, dando margem para que usuários e programadores busquem sempre melhorá-lo.

Detalhamento

O Postgre permite que os usuários possam consultar dados mais complexos, de forma mais detalhada, com funções, tabelas e outras ferramentas integradas. Mesmo trabalhando com um banco de dados vasto e buscas mais complexas, o processamento das informações não é comprometido, tampouco a segurança.

 Economia

O PostgreSQL é um banco de dados mais completo, que garante um gerenciamento e fluxo dessas informações, e conta com uma estrutura que permite adaptações e ajustes de forma simples e prática. 

Dessa forma, ele exige menos reparos e assistência especializada, mitigando a necessidade de gastos com licença e contratação extra de serviços de suporte técnico. Há casos em que, após a instalação de um sistema Postgre, houve uma economia de 1,7 milhão de reais ao ano apenas com a redução de custos com assistência.

Adote em um sistema que utilize

Gestores de postos de combustíveis não precisam ter essa expertise toda em tecnologia, mas precisam estar atentos a certos conceitos para não errar na hora de contratar um software de gestão integrado para o posto.

Um software de gestão construído com base no sistema PostgreSQL, como o Petros, nossa solução para postos, faz com que, de fato, sua rotina seja otimizada, por conta das diversas funcionalidades que ele possui e das vantagens que essas características atraem no dia a dia.

Usabilidade, praticidade e segurança são as peças-chave para qualquer software e o que os gestores buscam na hora de escolher um. Portanto, se você encontrar algum que não preze por esses três pilares, pense duas vezes. 

O que achou desse conteúdo? Se você quer saber mais sobre tecnologias para postos, leia também nosso texto Por que investir em um ERP na nuvem no posto? 7 motivos tentadores.

Fique por dentro das últimas novidades sobre gestão empresarial! 

Assine a newsletter do blog Adaptive e receba conteúdos novos toda semana diretamente no seu e-mail!

Leia Também

[post_category]

Temos soluções para diferentes necessidades.

Saiba como tornar o seu negócio mais competitivo no mercado.

Muito Obrigado!

Muito Obrigado!